fbpx

FatosOnline.com

Fatos e fatos a cada instante.

Na reunião, o presidente lembrou o avanço do crédito no país entre 2003 e 2015, e lamentou a estagnação nos últimos anos - Foto: Ricardo Stuckert/PR

Presidente defende acesso a crédito em reunião com integrantes do Conselhão

No encontro, conselheiros que integram o Grupo de Trabalho de Crédito e Investimento entregaram 12 propostas que serão analisados pelo governo

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, defendeu, nesta segunda-feira, 30 de outubro, a ampliação do acesso ao crédito para o crescimento econômico e para o desenvolvimento do país. A afirmação ocorreu durante reunião com integrantes do Grupo de Trabalho de Crédito e Investimento do Conselho de Desenvolvimento Econômico Social Sustentável, o Conselhão, no Palácio do Planalto.

Ao defender o maior acesso ao crédito, o presidente enfatizou que o crédito deve estar disponível a todos os perfis de empreendedores. “Crédito para o grande, para o médio, para o pequeno e para o pequeno do pequeno”, disse ele.

Na reunião, o presidente lembrou o avanço do crédito no país entre 2003 e 2015, e lamentou a estagnação nos últimos anos. “Já fizemos muita coisa nesse país. Saímos de 24% do PIB 2003 para 44% em sete anos (2010). Depois, nós saímos de 44% para 52% em cinco anos (2015). De lá pra cá, a gente não foi para lugar nenhum”, lamentou. “Esse país, no nível que nós começamos em 2003, era para ter chegado a 80% do PIB em crédito. A gente provou que dava certo”.

No encontro, integrantes do GT entregaram 12 propostas para aprimorar o acesso ao crédito no Brasil. As propostas serão analisadas pelo governo federal. Estiveram presentes na reunião 17 conselheiros, entre eles, a presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza e da LuizaSeg seguros S.A., Luiza Helena Trajano, e o presidente do Conselho de Administração do Banco Bradesco, Luiz Carlos Trabuco.

Também participaram da reunião o vice-presidente Geraldo Alckmin, e os ministros da Fazenda, Fernando Haddad, da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França.

Sobre o Autor

Compartilhe este Fato: